Cauterização capilar: saiba o que é e como fazer em casa

É comum que danos do cotidiano, como exposição solar, calor, cloro, poeira ou até excesso de químicas como descoloração e tintura enfraqueçam nosso cabelo. O nosso cabelo precisa de um reposição constante de proteínas e vitaminas pois se perdidas deixam o cabelo ressecado, fraco e sem vida. A cauterização capilar é um tratamento intensivo, mas sem química, o que promete devolver a saúde dos fios, transformando um cabelo rebelde ou sem graça em um cabelo bonito e brilhante.

Nesse artigo, vamos te ensinar o que é cauterização capilar, para quem é indicado a cauterização capilar bem como indicação de produtos para o procedimento.

cauterização capilar
A cauterização capilar transforma fios sem vida em hidratados e maleáveis. | Foto: Freepik.

A cauterização capilar é um tratamento estético não agressivo que visa fornecer uma reconstrução capilar nos fios pouco saudáveis. Além disso, ela:

  • Promove redução de frizz, eliminando a aparência de cabelo arrepiado e bagunçado;
  • Garante o fechamento de cutículas e absorção de proteínas, suavizando pontas duplas;
  • Corrige a estrutura dos fios através de meios energéticos chamados agentes catiônicos, que recuperam as fibras capilares;
  • Hidrata intensamente os fios, os deixando macios e brilhantes.

Tudo isso através da reposição de queratina, proteína importante na manutenção da saúde dos fios.

A cauterização capilar sela cutículas abertas e aplica uma injeção de queratina. | Foto: Freepik.

O que é cauterização capilar?

Cabelos fracos, quebradiços e porosos que sofreram danos por excesso de químicas ou descuidos no cotidiano se beneficiam de uma reposição intensa de queratina dada pela cauterização capilar.

A queratina é uma proteína importante na manutenção dos fios. Ela é composta por 15 aminoácidos sendo um deles composto por cisteína. 

A cisteína protege e dá resistência a algumas estruturas do nosso corpo, principalmente o cabelo, proporcionando controle de elasticidade e cutículas seladas.

As cutículas do nosso cabelo são como escamas que se abertas deixam o cabelo exposto ao excesso de calor, poeira e todo tipo de “poluição capilar”.

É importante destacar que a cauterização capilar não alisa o cabelo, apesar da impressão causada devido suas cutículas estarem agora seladas e com redução do frizz.

Não é utilizado produtos químicos no processo de cauterização capilar. Apesar disso, algumas pessoas a utilizam como forma de tratamento pré química, para receber uma escova definitiva ou tintura, por exemplo.

Como saber se o cabelo está precisando de cauterização? 

Se o seu cabelo está ressecado, frizzado, sem brilho e com pontas duplas, então está na hora de investir em uma cauterização capilar.

Quantas vezes pode fazer cauterização nos cabelos?

O tratamento deve ser feito com a frequência média de 1 a 3 meses a depender do tipo de cabelo, estrutura do fio e situação capilar.

Como fazer cauterização capilar?

A seguir explicaremos como fazer cauterização capilar de forma certeira para uma boa absorção de queratina.

Lavagem

É usado um shampoo anti resíduos para abrir as cutículas que receberão o produto. 

Esse shampoo deve ser aplicado uma ou duas vezes em seguida e depois deve-se retirar o excesso de água com uma toalha.

Aplicação de queratina

Depois, se aplica um creme ou condicionador próprio para o cabelo que irá recebê-lo e que contenha ampolas de queratina.  

Sua aplicação é feita massageando os fios e o produto deve agir por 5 a 20 minutos a depender do kit de cauterização capilar e do estado do cabelo.

Essa é a etapa em que o cabelo irá absorver a queratina.

Calor 

Depois do enxague e da secagem é a hora em que o calor irá auxiliar a penetração do produto nos fios, etapa muito utilizada em tratamentos capilares.

Nessa etapa, primeiro se escova o cabelo e em seguida a chapinha é feita em mechas finas por todo o comprimento. Cada mecha deve ser alisada de 5 a 6 vezes. 

Para evitar que o cabelo seja agredido novamente pela exposição ao calor, é recomendada a aplicação de um produto antitérmico antes do contato da escova e chapinha – Aliás, isso deve ser feito sempre que usado escovas, chapinhas, secadores ou babyliss.

Outra dica é passar um sérum de silicone por toda a extensão dos fios, logo após a passada de chapinha, para deixar os fios mais certinhos ainda.

O tratamento de cauterização capilar pode sofrer algumas pequenas alterações a depender dos critérios do kit de cauterização capilar de cada profissional.

Dá para fazer cauterização capilar caseira?

É possível fazer uma cauterização capilar caseira aplicando os produtos em casa e utilizando a própria chapinha e kits cauterização capilar que podem ser encontrados em farmácias, drogarias e lojas de cosméticos.

Mesmo assim, é recomendado que a cauterização capilar seja feita com a orientação prévia de um profissional que irá analisar a situação atual do cabelo.

Os produtos  possuem fórmulas mais concentradas que com a atenção e o conhecimento de um profissional diminuem o risco de oferecer um resultado indesejado.

Vale destacar que a queratina se usada em excesso endurece os fios. Então, tudo irá depender do tamanho, estrutura capilar e maleabilidade de quem faz o procedimento.

Depois de cauterizar o cabelo, deve-se evitar o uso de shampoos anti resíduos e/ou com sulfato, pois esses abrem as cutículas retirando a queratina que foi reposta.

Se necessário manter o uso desses produtos para limpezas mais intensas dos fios, tente diminuir a frequência de sua aplicação.

É importante lembrar que todo tratamento exige um cuidado contínuo das madeixas, com hidratações semanais.

Tratamentos com agentes químicos como alisamentos e tinturas devem ser evitados durante um tempo para que o cabelo possa respirar.

Melhores produtos para cauterização profissional

Se você procura por um kit cauterização capilar, o Slow Beauty possui os melhores produtos para o tratamento de cabelos quebradiços e cabelos danificados. A marca trabalha exclusivamente com cosméticos sustentáveis e cosméticos orgânicos feitos com tecnologia pensada para manter fios hidratados e cutículas saudáveis, sem descuidar do meio ambiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo